Delicatessen expande negócios graças à capacitação

Com sede em Irecê, empresa Pão a Lenha terá filial em Seabra e proprietário já planeja chegar a outras cidades em 2016

Salvador - Sempre que participo de um curso ou palestra que o Sebrae oferece, implanto algo novo e positivo na minha empresa. Com esse entusiasmo, o empresário Antônio Pereira, proprietário da delicatessen Pão a Lenha, em Irecê (BA), explica porque participa frequentemente dos cursos ofertados pela instituição. Depois de uma ampla reforma, o empresário está preparando a reinauguração do estabelecimento, prevista para o dia 22 de outubro.

No ramo há mais de 40 anos, Antônio não conseguia obter o sucesso almejado e credita o fato à ausência de qualificação e ousadia. Buscando aprimorar a gestão financeira e inovar nas ações, o empresário participa de vários ações realizadas pela Unidade Regional do Sebrae na cidade. Além disso, o Sebrae já viabilizou a participação do empresário em eventos nacionais e até internacionais, como a Feira Internacional de Panificação, Confeitaria e Varejo Independente de Alimentos (Fipan).

Antônio Pereira participou dos cursos de Gestão Financeira, Inovação, Gestão Estratégica e de Pessoas, além de palestras e capacitações. Com isso, mudou estratégias, implantou técnicas novas e hoje observa a expansão do negócio. Antônio também mudou a marca, investiu em marketing, inovou no conceito e, há dois anos e meio, inaugurou a delicatessen Pão a Lenha, que possui duas unidades em Irecê. No início, eram apenas oito funcionários. Depois das mudanças, a demanda cresceu e, agora, a empresa conta com 22 colaboradores.

Com a expansão, o empresário já sente a necessidade de reformar o espaço. Estou fazendo uma grande reforma na delicatessen. Mudei a produção para a parte superior, investi em equipamentos , vou instalar mais mesas e cadeiras, aperfeiçoar o café da manhã, implantar um cardápio de massas no final da tarde e inovar na produção dos itens que sirvo. Tudo isso é reflexo da aprendizagem que adquiri nos cursos do Sebrae, explica.

Para o coordenador da Unidade Regional do Sebrae em Irecê, Paulo Andrade, a capacitação é uma ferramenta primordial para o sucesso do empresário. É preciso buscar qualificação para se manter competitivo no mercado. O empresário que se capacita e investe em aprendizado consegue consolidar o seu negócio.

Depois da reinauguração, o próximo passo é abrir uma filial na cidade de Seabra. O sucesso do meu negócio já me permite abrir uma filial em outra cidade. Ainda este ano, vou instalar a delicatessen em Seabra, comemora. O empresário tem metas ousadas, e, em 2014, quer explorar outras cidades. Antônio Pereira está analisando o mercado de Juazeiro, Petrolina e Barreiras, para identificar os nichos e abrir mais uma filial em uma dessas cidades.

A Delicatessen Pão a Lenha também faz parte da Associação de panificadores de Irecê e Região (Apanir), formalizada com apoio do Sebrae em 2011.

voltar